Festival Jazz & Blues 2015 terá show especial em tributo a Miles Davis, com a íntegra do disco “Kind of Blue”

Festival Jazz & Blues 2015 terá show especial em tributo a Miles Davis, com a íntegra do disco “Kind of Blue”

Um show especial, com grandes músicos cearenses, para homenagear o trompetista norte-americano Miles Davis, um dos maiores nomes do jazz, levando ao palco a íntegra do repertório de seu mais importante disco: "Kind of Blue", de 1959. Instrumentistas consagrados da cena musical de Fortaleza estão preparando um presente especial para o público do Festival Jazz & Blues 2015 em Guaramiranga. No sábado de carnaval, 14 de fevereiro, às 21h, no palco da Cidade Jazz & Blues, o público será brindado com a oportunidade de mergulhar, ao vivo, na ambiência sonora a um tempo sutil e ousada de "Kind of Blue", disco que se tornou marco de uma das várias revoluções empreendidas no jazz por Miles Davis – no álbum, ladeado por nomes de primeira grandeza, como John Coltrane, Bill Evans, Paul Chambers e Cannonball Adderley.

No show "Kind of Blue - Tributo a Miles Davis", o músico que redefiniu a história do jazz e saiu de cena em 28 de setembro de 1991, aos 65 anos, será homenageado por alguns dos maiores nomes atuantes na cena musical cearense: o trompetista Hugo D´Leon, os saxofonistas Márcio Resende e Ferreira Júnior, o pianista Thiago Almeida, o contrabaixista Luciano Franco e o baterista Denilson Lopes, reproduzindo a mesma formação de sexteto presente em “Kind of Blue”, o disco que ficou marcado pelos temas modais e que destacou “So what” e “Blue in green” como algumas das composições mais presentes no repertório jazzístico em todos os tempos.

Arregimentados especialmente para o show que estreará no Festival Jazz & Blues 2015, Hugo D´Leon, Márcio Resende, Ferreira Júnior, Thiago Almeida, Luciano Franco e Denilson Lopes, presentes entre os nomes mais requisitados para estúdios e palcos de Fortaleza e todos autores de trabalhos próprios de composição, arranjo e performance, aceitaram o desafio de revisitar a sonoridade de “Kind of Blue”, reinterpretando-a e transpondo-a para o palco. Conforme define o contrabaixista Luciano Franco, trata-se de uma releitura, partindo do repertório, dos conceitos, timbres e sutilezas presentes no disco original para propor uma nova interpretação. “Vamos revisitar o repertório do disco agregando também um outro olhar, acrescentando outras influências e possibilidades”, ressalta.

Mais sobre o disco “Kind of Blue”

“Kind of Blue”, um dos mais emblemáticos trabalhos de Miles Davis e de toda a história do jazz, foi lançado originalmente em 17 de agosto de 1959, pela Columbia Records, dando continuidade às experimentações modais que o trompetista vinha realizando em seus discos anteriores. O contraste entre a ambiência sonora modal e os álbuns que o precederam, notadamente os de hard-bop, é uma das principais características de “Kind of Blue”, também incluído entre os principais discos de todos os tempos, em todos os gêneros musicais, tanto por recorde de vendas quanto por sua influência sobre músicos de diferentes gerações.
Além de Miles, o disco traz Julian "Cannonball" Adderley (sax alto), John Coltrane (sax tenor), Bill Evans (piano), Wynton Kelly (piano), Paul Chambers (contrabaixo) e Jimmy Cobb (bateria), todos eles lendas do jazz, com brilho e legado próprios. O repertório do disco, que será integralmente executado no palco do Festival Jazz & Blues, inclui "So what", “Freddie Freeloader", "Blue in green", “All blues" e "Flamenco sketches". Uma oportunidade única e memorável para o público do Festival Jazz & Blues.





Cadastre-se e receba a nossa newsletter!


Captcha Image

Thank you! Your submission has been received!

Oops! Something went wrong while submitting the form :(

Lei de Incentivo

Patrocínio

APOIO CULTURAL

AGRADECIMENTOS

PROMOÇÃO

Diário do Nordeste

REALIZAÇÃO